Pastorais

Pegadas da vida (Isaías 52.1-8)

22/09/2019

O povo de Deus é conclamado a despertar e a se tornar gente que reflete a grandeza e a majestade de Deus, através de uma vida pura (v.1 e 2). Por quê? “Nunca mais entrará em ti incircunciso e imundo”, podendo ser um impuro no sentido religioso. A qualificação de "incircunciso" era, no Antigo Testamento, aplicada aos lábios, aos ouvidos e aos corações (Êx 6.12; Jr 6.10; Lv 26.41). Declara-se, no Novo Testamento, que a verdadeira circuncisão é "a que é do coração, no espírito, não segundo a letra" (Rm 2.29).


Hoje, são os cristãos que por sua fé constituem a circuncisão. Os nossos passos deixam rastros que se perpetuam na história. Devemos ter em mente que as nossas vidas passam rapidamente, e muitas vezes, enquanto estamos inseridos neste mundo, caminhamos em direção ao Eterno com uma vida sem muito ou nenhum significado. Jesus Cristo requer de nós, como eleitos, um despertar: temos que nos mostrar às pessoas com a marca da Cruz de Cristo, com todos os seus valores. Precisamos saber quem somos e qual é o nosso papel no mundo. Necessitamos nos reavaliar para sabermos o que nos prende em nossa caminhada e o que nos impede de refletir uma vida cheia do Espírito Santo.


Isaías 52.7 diz: “Que formosos são sobre os montes os pés do que anuncia as boas-novas, que faz ouvir a paz, que anuncia coisas boas, que faz ouvir a salvação, que diz a Sião: O teu Deus reina!” Nós temos um chamado, devemos obedecer a quem nos chamou, cumprindo as suas ordenanças. Sendo assim: 1. As nossas pegadas devem deixar mensagens que transformam vidas; 2. As nossas conversas atuais (corredores e bastidores) devem destacar os valores da fé cristã; 3. Os nossos rastros nas redes sociais devem refletir onde está o nosso coração. Somente a devoção, através de uma vida diária de oração e de leitura da Bíblia, refletirá uma vida impactante por onde andarmos.

 

Queremos ser pessoas que deixam marcas? Vejamos o nosso rastro! Não de cargos que assumimos durante a nossa vida na Igreja, mas sim, nas vidas de pessoas que podem e devem refletir, ininterruptamente, a mensagem da Cruz! Onde pisamos deixamos marcas que se perpetuam. Qual tem sido a sua marca?

 

Deus abençoe a todos (as).
Pr. Genildison da Silva Ribeiro

Please reload