Pastorais

Qual é a razão da tua fé?

12/05/2019

Ex. 12. 28

 

A Bíblia nos desafia a estarmos preparados para explicar a nossa fé.


A libertação do Senhor é a grande razão da nossa fé! Quando o povo de Israel começava a ensinar aos seus filhos sobre Deus e a razão de sua fé nEle, a primeira recordação que eles traziam à mente era o fato de que foram escravos de Faraó no Egito.


Sabemos que os filhos de Israel foram para o Egito quando José era seu governador, mas, quando José morreu, levantou-se um Faraó que observou como os filhos de Israel se multiplicavam ali. Com medo de que eles pudessem dominá-lo, fez deles escravos e passou a humilhá-los, forçando-os a trabalharem para os egípcios e para o seu governo. Quando os filhos dos israelitas lhes perguntavam: por que servimos a Deus? seus pais deveriam estar aptos para narrar essa grandiosa salvação.


Hoje, também podemos aplicar esse mandamento a nós, pois, nosso Senhor Jesus Cristo nos manda anunciar a todos (as) a tão grande salvação que Ele nos proporcionou. Para lembrarmo-nos desta libertação, como filhos de Israel devemos ter a grande consciência de que um dia também somos escravos, mas não apenas de faraó. Éramos escravos do pecado e da morte! Paulo relata nosso estado anterior com as seguintes palavras: “Ele vos deu vida, estando vós mortos nos vossos delitos e pecados, nos quais andaste outrora, segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe da potestade do ar, do espírito que agora atua nos filhos da desobediência; entre os quais também todos nós andamos outrora, segundo as inclinações da nossa carne, fazendo a vontade da carne e dos pensamentos; e éramos, por natureza, filhos da ira, como também os demais” (Efésios 2.1-3).

Estávamos mortos (separados de Deus) nos nossos delitos e pecados, éramos escravos do pecado, fazíamos a vontade do maligno e não queríamos ser libertos. Contudo, como aconteceu com os filhos de Israel, Deus providenciou para nós um grandioso Salvador, nosso Senhor Jesus Cristo.


A base da nossa fé e de toda a fé bíblica se firma na história do ato final de libertação realizado por Jesus Cristo. Éramos escravos, agora somos povo de Deus, ou melhor, filhos (as) de Deus em Cristo Jesus.


Deus abençoe a todos (as).
Pr. Genildison da Silva Ribeiro.

Please reload