Pastorais

ALEGRAI-VOS!

14/03/2021

“sendo fortalecidos com todo o poder, de acordo com a força da sua glória, para que tenham toda a perseverança e paciência com alegria,” (Colossenses 1.11)

O texto citado acima é retirado da carta do apóstolo Paulo aos colossenses, na cidade de Colossas. Sim, o nome correto da cidade é Colossas. Era uma província romana e hoje pertence à província de Denizli, na atual Turquia. Paulo nunca esteve na cidade e não conhecia aquela comunidade de fé, mas conhecia seu fundador. Foi uma cidade importante por muito tempo com grande economia voltada para a indústria têxtil, porém na época do apóstolo estava em franco declínio e perdendo sua importância econômica.


Um dos motivos da carta para aquela comunidade era o despertar de um movimento religioso distante do ensinado pelo apóstolo e sendo introduzidos diversos pensamentos dissonantes ao Evangelho. Mas o texto escolhido demonstra, já de início, como o apóstolo desejava ver os crentes daquela comunidade. Em uma pequena apresentação, de apenas algumas linhas, Paulo cita diversas palavras para encorajar e mostrar como ser vitorioso e vitoriosa em nossa caminhada. Poder, força, glória, perseverança, paciência e alegria, todas essas palavras foram usadas na introdução. Para aquela comunidade, o apóstolo indica na abertura a receita para saber lidar com as dificuldades.


Contudo, quero destacar nesse momento, quando ainda estamos vivendo uma opressão desencadeada por problemas na saúde e na economia, as três últimas palavras do texto: paciência com alegria. Apesar de já ter passado um ano, é certo que teremos que ter ainda muita paciência, paciência de esperar a vacina, de podermos voltar ao convívio de outros, de nos abraçar e voltar para nossas vidas comuns. Devemos então, como a orientação do apóstolo, juntar a essa paciência toda a alegria. Talvez você esteja tão distante da alegria que tenha dificuldade de imaginar como fazer isso. Mas inicie pedindo a Deus que te dê força e te anime assim mesmo, como o salmista faz: “Bendize, ó minha alma, ao SENHOR, e tudo o que há em mim bendiga o seu santo nome. Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e não te esqueças de nenhum de seus benefícios.” (Salmos 103.1,2).


Como é bom saber que podemos ter no Senhor a esperança de sempre poder contar com Ele, e poder passar tudo isso com alegria.


A paz a todos e todas.
Rev. Fabio Marchiori